Continuidade de Negócios na China, Olimpíadas 2008 e Gerenciamento de Risco.

Quando começamos a desenvolver um trabalho de Continuidade de Negócios contemplamos em uma fase inicial os serviços críticos da instituição podendo assim futuramente ir ampliando os planos e procedimentos para todos os processos e/ou serviços da mesma.

É notório que tivemos neste final de semana uma excelente e linda festa de abertura das Olimpíadas 2008, portando parabéns a todos os envolvidos na produção do evento; imaginemos fazer um Plano de Continuidade de Negócios para o evento das Olimpíadas; realmente é algo interessante, pois teríamos diversos tipos de ameaças e probabilidades espalhadas por todos os locais onde estão ocorrendo os eventos esportivos, chegaríamos em uma enorme lista de ameaças c/ probabilidade diferentes; seria a hora de tratar esses eventos levantados. Entre os possíveis cenários levantados, tomo a liberdade de criar um: Falha nos equipamentos de Projeção Multimídia no dia da Abertura dos Jogos Olímpicos. Será que durante o desenvolvimento de Plano de Continuidade, se perguntássemos a um gestor cujo é responsável pelos equipamentos de projeção de imagem do evento, qual a probabilidade de 0 a 10 de um equipamento parar durante o evento, ele faria uma escolha com uma probabilidade nula ou mínima pois estaríamos falando de equipamentos novos e testados.

O engraçado é que ocorreu, não exatamente no equipamento de projeção mas em um computador com sistema operacional Windows XP cujo gerava o sinal para o projetor.

Por sorte, o evento ocorreu e não estragou a linda festa de abertura dos jogos, e agora vos pergunto: Qual era a possibilidade disto ocorrer?  Qual o impacto que isso gerou? Os impactos financeiros? Os institucionais? E os de Imagem? Este último com valores imensuráveis poderia “manchar a China” transmitindo uma imagem de uma má organização caso o evento fosse em grande escala.

É hora de falarmos do Gerenciamento de Risco, é preciso parar de imaginar que coisas inesperadas não acontecem, sendo assim nos prepararmos para quando os eventos de crise acontecerem, vivemos em um país que anos atrás era ensinado em colégios que em nosso país não existia terremotos, claro é um exemplo um pouco grotesco, mas tivemos um recentemente na cidade de São Paulo. Portanto prepare-se, verifique quais são os seus riscos, quais os impactos que os mesmos causariam, desenvolva um Sistema de Gestão de Continuidade de Negócios e tenha a certeza que estará minimizando futuras perdas com algum tipo de crise.

Finalizando, temos um show de imagem das famosas “Tela Azul” do Microsoft Windows XP fazendo seu show também nas olimpíadas 2008.

Fontes:
http://rivercoolcool.spaces.live.com/blog/cns!D6F05428A2B8CB48!1570.entry
http://forum.powerapple.com/modules.php?name=forum&file=viewtopic&forum=62&topic=23034&start=0

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s